top of page

Alexandre de Moraes nega recurso de Bolsonaro contra decisão de inelegibilidade


O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, negou recurso apresentado pela defesa do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) contra a primeira decisão que o tornou inelegível até 2030.


Em junho, Bolsonaro foi condenado a oito anos de inelegibilidade pelos ataques feitos ao sistema eleitoral brasileiro durante reunião com embaixadores, em julho de 2022.


Os advogados do ex-presidente apresentaram o recurso extraordinário Supremo Tribunal Federal (STF) contra a decisão. No entanto, antes da apreciação, cabe a Moraes aceitá-lo ou não. Como a peça foi rejeitada, a defesa de Bolsonaro pode entrar com um agravo contra a decisão do ministro.


Em sua justificativa, Moraes rebateu as alegações da defesa do ex-presidente e considerou que a decisão do TSE foi embasada em “conclusão lastreada nas condutas, fatos e provas do caso concreto”.


2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

留言

評等為 0(最高為 5 顆星)。
暫無評等

新增評等
bottom of page