top of page

Chefão do tráfico do Calabar é morto em casa de Vilas onde acontecia gravação de DVD


Um homem apontado como liderança do tráfico de drogas no bairro do Calabar, em Salvador, foi morto durante uma troca de tiros com policiais militares na noite de terça-feira (22) em Vilas do Atlântico, Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).


Leonardo Guedes, de 29 anos, entrou em confronto com os agentes enquanto estava em uma residência onde acontecia a gravação de um DVD.


Conforme a Polícia Civil, policiais realizavam rondas na BA-526, quando foram informados de que, próximo a Vilas do Atlântico, homens armados foram avistados desembarcando de um veículo.


"Quando as equipes chegaram, foram recebidas a tiros. No revide, dois suspeitos foram atingidos. A dupla chegou a ser socorrida ao Hospital Menandro de Farias, mas não resistiu. Foram apreendidas na ação uma pistola, um revólver, 140 pinos de cocaína, R$ 540 e 20 euros, além de acessórios.", diz trecho de uma nota enviada pela instituição.


Leonardo Guedes exibia armas de grosso calibre nas redes sociais e era considerado o "grande cabeça" do tráfico de drogas no Calabar, após a prisão de Averaldo Ferreira da Silva Filho, conhecido como Averaldinho, preso em fevereiro deste ano durante uma operação policial em Guarajuba, em Camaçari, também na RMS.

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page