top of page

Cpi do abuso de autoridade ganha força na câmara e já tem mais 418mil assinaturas e 144 deputados

Abaixo assinado, promovido pelo Partido Novo, apoia a instalação de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar supostos abusos de autoridade do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).


A proposta é de autoria do deputado Marcel van Hattem (RS), mas conta com outros 22 co-autores, filiados ao próprio Novo e a partidos como PL, PP e União Brasil.


O link (que você pode acessar clicando aqui), está hospedado no site do partido e já contava com 418.059 assinaturas às 00h01 desta segunda-feira (22), de acordo com a página do Novo dedicada ao abaixo-assinado.


O objetivo, num primeiro momento, é obter 1 milhão de adesões.


Até agora, o requerimento de criação da CPI já conta com o apoio de 144 dos 171 necessários, cuja lista está disponibilizada na página do Novo na internet.


Na descrição, o texto diz que brasileiros enxergam o STF e o TSE “como fontes de ilegalidades, inquéritos abusivos e intimidatórios, favorecimento de alguns e perseguição de outros e de decisões motivadas por ressentimentos pessoais e desejos de vingança”.


O presidente do partido, Eduardo Ribeiro, defende a criação da comissão.


Investigar nunca é demais. A sociedade brasileira está perdendo a confiança na Justiça. Exige um judiciário imparcial, que age de acordo com a Lei”, afirmou o político.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page