top of page

Estudante da UFRB mata mãe, oculta corpo por três meses e utiliza pó de café para 'barrar' odor


Um jovem de 23 anos, estudante da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), foi preso na terça-feira (21), em Cruz das Almas, por suspeita de ter matado a própria mãe, Rita Amaral dos Santos Correia, de 62 anos, e ocultado o corpo dela por três meses na residência da família, localizada na Rua dos Mognos, no bairro Ana Lúcia.


O suspeito teria matado a mãe a golpes de faca, enrolado o cadáver em cobertores e colocado pó de café para neutralizar o mau cheiro. Sites locais afirmam que a morte e ocultação só foram descobertas porque um familiar arrombou a porta da casa para ter acesso ao interior do imóvel.


A Polícia Militar diz que, na tarde de terça-feira, policiais da 27ª Companhia Independente da PM (CIPM) prenderam o suspeito após os agentes receberem a informação de que ele havia matado a própria mãe. A Polícia Civil informou que o jovem foi autuado em flagrante na Delegacia Territorial de Cruz das Almas.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Opmerkingen

Beoordeeld met 0 uit 5 sterren.
Nog geen beoordelingen

Voeg een beoordeling toe
bottom of page